ABI - Liberdade de imprensa
DECLARAÇÃO

ACM Neto rebate Eduardo Bolsonaro e diz não estar nem um pouco preocupado

Eduardo Bolsonaro disse que “as portas estão mais do que fechadas” para ACM Neto.

20/09/2021 20h17
Por: Fernanda Souza
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução

Na semana passada, em entrevista, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL) disse que “as portas estão mais do que fechadas” para ACM Neto, ex-prefeito de Salvador e presidente nacional do DEM, que negocia fusão com o PSL.

“Não sei se ele conversa com alguém do governo, mas eu não subiria em um palanque com ACM Neto”, afirmou também o filho do presidente da República.

No fim de semana, ACM Neto, igualmente à imprensa local, em entrevista ao programa Frequência Política, rebateu Eduardo:

“Não estou nem um pouco preocupado com o que pensa, com o que disse ou não disse o filho do presidente. Definitivamente, ele não está no roll das pessoas que influenciam nas minhas decisões e posições políticas.”

Atualmente, o DEM tem dois ministros no governo Bolsonaro: Onyx Lorenzoni (Trabalho e Emprego) e Tereza Cristina (Agricultura), esta já convidada para o PP de Ciro Nogueira. O ex-chefe de gabinete de ACM Neto, deputado licenciado João Roma (Republicanos), está no comando da pasta da Cidadania.

Lideranças do DEM e do PSL dizem que a união das duas siglas terá um projeto presidencial para 2022 e não apoiará a reeleição de Bolsonaro.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.