ABI - Liberdade de imprensa
ANÁLISE

Dias avalia que cortes em ciência e tecnologia comprometem desenvolvimento

Na opinião dele, essa medida compromete qualquer projeto estratégico de desenvolvimento econômico do país.

13/10/2021 20h08Atualizado há 1 semana
Por: Fernanda Souza
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução

Em pronunciamento, nesta quarta-feira (13/10), o senador Alvaro Dias (Podemos-PR) lamentou o corte promovido pelo governo no setor de ciência e tecnologia, no valor de R$600 milhões.

Na opinião dele, essa medida compromete qualquer projeto estratégico de desenvolvimento econômico do país, uma vez que impede o aumento da produtividade.

— E só elevando os índices de produtividade em nosso país que nós poderemos escapar dessa armadilha da renda média, que retrata a situação vigente do Brasil. Nós estamos enredados nessa armadilha da renda média e dela não conseguimos escapar para avançarmos na direção de um estágio de país desenvolvido, onde certamente a renda per capita será muito superior à atual, disse. 

Alvaro Dias lembrou ainda que, caso estivesse avançado nesses setores, o país provavelmente enfrentaria melhor os desafios impostos pela pandemia de covid-19, que provocou mais de 600 mil mortes.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.