WhatsApp

73 99859-0076

ABI - Liberdade de imprensa
Ex-Ministro

Moro alfineta Bolsonaro e Lula: ‘Coronavírus não é piada, nem positivo’

Moro se refere ao que aconteceu na última terça, dia em que o Brasil atingiu a marca de 1.179 mortos por coronavírus em 24 horas

21/05/2020 08h16
Por: Valeria Alves
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução

O ex-ministro Sergio Moro não hesitou em alfinetar seus dois desafetos políticos na quarta-feira (20/05). Sem citar nomes, o ex-juiz federal reagiu às declarações do presidente Jair Bolsonaro e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

“O coronavírus não é piada, nem é algo positivo. Cuide-se! O número de mortes passou de mil por dia e continua subindo. Solidariedade às famílias”, escreveu, em seu perfil no Instagram.

Moro se referia ao que aconteceu na última.a terça-feira (19/05), dia em que o Brasil atingiu a marca de 1.179 mortos por coronavírus em 24 horas. No mesmo dia, o presidente Jair Bolsonaro fez piada com o novo protocolo para a cloroquina autorizado pelo Ministério da Saúde.

O chefe do Executivo federal chegou a dizer que “quem é de direita usa cloroquina; quem é de esquerda, tubaína”. A frase foi dita aos risos, durante live semanal.

Já Lula, também no mesmo dia, disse que “ainda bem” que a natureza criou o novo coronavírus. Segundo ele, “esse monstro” tem permitido que as pessoas vejam que apenas o Estado é capaz de solucionar determinadas crises.

Na quarta (20/05), o ex-presidente pediu desculpas a quem “ficou ofendido”

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.