WhatsApp

73 98840-9200

ABI - Liberdade de imprensa
REUNIÃO

Técnicos da Anvisa se reúnem com membros de agência argentina para tratar da Sputnik V

A Administração Nacional de Medicamentos, Alimentos e Tecnologia Médica aprovou em dezembro o uso emergencial da vacina russa

26/01/2021 01h41
Por: Valeria Alves
Foto/reprodução
Foto/reprodução

Técnicos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) se reuniram na última segunda-feira (25/01) com integrantes da Administração Nacional de Medicamentos, Alimentos e Tecnologia Médica (Anmat) da Argentina. A agência é uma espécie de Anvisa para o país e aprovou em dezembro o uso emergencial da vacina russa Sputnik V.

A ideia é reunir informações sobre o imunizante, cuja realização de estudos clínicos no Brasil está em processo de aprovação. Na semana passada, representantes da União Química se reuniram com o corpo técnico da Anvisa para esclarecer questões que travam a liberação do imunizante no Brasil.

A vacina Sputnik V é objeto de disputa judicial, depois que o governo baiano acionou o Supremo Tribunal Federal (STF) em reação à negativa da Anvisa para conceder a autorização temporária de uso emergencial da vacina. O governador Rui Costa pediu autorização para importar e distribuir vacinas sem liberação da Anvisa, desde que haja aval de autoridades sanitárias estrangeiras e certificação da Organização Panamericana de Saúde (Opas).

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.