ABI - Liberdade de imprensa
SUSPEITO DETIDO

Suspeito de envolvimento na morte de ex-prefeito é preso

Contra o suspeito, havia um mandado de prisão em aberto, por homicídio, expedido pelo Tribunal de Justiça da Bahia

03/02/2021 15h19Atualizado há 3 meses
Por: Valeria Alves
Foto/reprodução
Foto/reprodução

Polícia Militar de Brusque-SC, prendeu na tarde da última terça-feira (02/02), um homem de 36 anos, suspeito de envolvimento na morte do ex-prefeito de Aurelino Leal, no sul da Bahia, Gilberto Ramos de Andrade. Gilberto foi assassinado em uma emboscada ocorrida em 5 de maio de 2007. 

Em 10 de fevereiro de 2011, o também ex-prefeito de Aurelino Leal, José Augusto Neto, antecessor de Gilberto na gestão municipal, foi condenado a 19 anos de prisão, por ser, de acordo com a justiça, o mandante do crime. Ele pagou R$ 20 mil aos pistoleiros para cometerem o crime, e a motivação, foi uma dívida trabalhista de R$ 420 mil deixada sob responsabilidade da prefeitura. Na ocasião, outro acusado, identificado como Leonardo Santos, foi absolvido pelos jurados, na 1º Vara do Júri, no Fórum Ruy Barbosa, em Itabuna.

Também acusado de tramar a morte de Gilberto de Andrade, o vice-prefeito à época, Giovani Lopes Gagliano, não foi levado a júri popular porque entrou com um recurso judicial no Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). Já os pistoleiros José Renato Domiciano dos Santos, o Corcoran, e Israel Santana, que executaram o crime, morreram antes de serem julgados.

O crime aconteceu quando o então prefeito Gilberto Andrade trafegava pela rodovia BR-101, próximo à. Os atiradores realizaram uma emboscada, interceptaram o carro do ex-prefeito, e mataram a vítima com um tiro no tórax. 

O indivíduo preso na última terça-feira (02/01), cuja identidade não foi divulgada, estava foragido da Justiça e foi capturado na rua Flávio Luz, no bairro Steffen, às 13h10. Ainda não foi divulgada qual seria a participação dele neste assassinato. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.