WhatsApp

73 98840-9200

ABI - Liberdade de imprensa
SINALIZAÇÕES

Ao menos nove capitais já sinalizam falta de vacinas contra o coronavírus

Expectativa é que o governo federal envie novo lote de imunizantes até a próxima terça para Salvador (23/02)

18/02/2021 15h24
Por: Valeria Alves
Foto/reprodução
Foto/reprodução

Salvador, Rio de Janeiro, Natal, Manaus, Porto Velho, Curitiba, Porto Alegre, Florianópolis e Goiânia são as nove capitais brasileiras que já sinalizaram a falta de estoque ou informaram que as doses de vacinas contra a Covid-19 vão acabar nos próximos dias.

Os gestores das cidades mencionadas aguardam pela reposição dos lotes pelo Ministério da Saúde.

Na capital soteropolitana, a expectativa é que o governo de Jair Bolsonaro (sem partido) envie um novo lote de vacinas à Bahia até a próxima terça-feira (23/02).

No estado de São Paulo, embora a capital paulista não esteja sofrendo com a escassez de imunizantes, alguns municípios do estado já relataram que interromperam o processo de vacinação de alguma forma. É o caso de Guarulhos, Itapecerica da Serra, Paulínia, Itaquaquecetuba, Suzano e Ferraz de Vasconcelos.

A campanha de vacinação contra o coronavírus no Brasil conta com a aprovação dos imunizantes de Oxford, distribuído pela Fiocruz (RJ), e da Coronavac, distribuído pelo Instituto Butantan (SP).
Novas doses
O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, prometeu aos governadores que serão distribuídas cerca de 230 milhões de doses de vacina até o fim de julho. Até dezembro, o governo projeta distribuir cerca de 315 milhões de doses de vacina em 2021.

Esse número sobe para 455 milhões de doses quando o governo contabiliza lotes adicionais que ainda estão em tratativas com a o Instituto Butantan e com a Fiocruz.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.