ABI - Liberdade de imprensa
SUICÍDIO

Carta do empresário revela suposta extorsão de R$ 1 milhão, ele cometeu suicídio

O empresário ubatense Eugenildo de Almeida Nunes foi encontrado morto nas primeiras horas da manhã de sábado (03/04)).

03/04/2021 16h21
Por: Fernanda Souza
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução

Genildo, como era mais conhecido, era um dos homens mais influentes e ricos da Bahia, com investimentos em setores como material de construção, postos de combustível, gado, fazendas, hotéis e mercado financeiro.

Segundo informou o site Ubatã Notícias, o comerciante teria cometido suicídio em sua própria residência, no Bairro Esperança, em Ubatã. Genildo teria deixado uma carta, em que relata a motivação do ato e destacou “Não sou esse mostro”. 

O empresário vinha enfrentando uma série de denúncias nos últimos dias após uma ação do Gaeco e MP. Ainda não há informações sobre velório e sepultamento. 

A carta deixada pelo empresário Genildo, alegando que estava sendo extorquido onde existe pedido de R$ 1 milhão de reais para não ser denunciado

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.