ABI - Liberdade de imprensa
CORONAVÍRUS

O primeiro momento da CPI da Covid será desvendar se houve negligência do governo

As apurações da CPI deverão ajudar a compreender o envolvimento do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) nas políticas de gestão de combate à pandemia

27/04/2021 12h20Atualizado há 3 semanas
Por: Fernanda Souza
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução

O senador Angelo Coronel (PSD-BA) afirmou que a CPI da Covid, prevista para ser instalada nesta terça-feira (27/04) e para apurar ações e omissões do governo federal na pandemia, terá dois momentos distintos. O colegiado, do qual o parlamentar baiano é membro, também vai investigar se houve possíveis irregularidades em repasses federais a estados e municípios.

“O primeiro momento é tentarmos desvendar se houve negligência, se houve realmente falta de vontade de resolver o problema da saúde pública brasileira no quesito tratamento da Covid. Várias vidas foram ceifadas, e vamos descobrir se houve erros. E, se houve erros, alguém os cometeu. A segunda etapa será fazer com que o Senado ajude o governo federal a viabilizar compra de mais vacinas para imunizar a população brasileira”, declarou o senador.

As apurações da CPI deverão ajudar a compreender o envolvimento do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) nas políticas de gestão de combate à pandemia e fornecer elementos para sua eventual responsabilização.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.