ABI - Liberdade de imprensa
PUNIÇÃO

PT mineiro afasta vereador que abriu caixão para ‘provar’ que homem não morreu por Covid-19

Após o afastamento, “o vereador responderá no Conselho de Ética

29/04/2021 09h38
Por: Vanderlei Filho

A direção executiva do PT de Minas Gerais decidiu afastar o vereador William Faria, de Santa Bárbara do Leste (MG), após ele ter divulgado um vídeo no qual abre um caixão à faca para “provar” que o senhor não havia morrido por Covid-19.

Após o afastamento, “o vereador responderá no Conselho de Ética do PT-MG, como determina o estatuto partidário, em um processo que poderá culminar com a sua expulsão”, afirmou o partido em nota.

“Num dos momentos mais delicados vividos por toda a população mineira e brasileira em função da pandemia do novo coronavírus, a atitude do vereador representa uma ação violenta e desnecessária, além de ser uma grave ameaça à segurança sanitária.”, diz o texto.

O vídeo foi gravado no último domingo 25. O caixão violado tinha o corpo de um idoso de 92 anos, e o vereador contestava o lacre, comum a todas as vítimas de Covid-19 devido ao potencial de contaminação, porque o senhor havia falecido de síndrome respiratória aguda grave, segundo consta em seu atestado de óbito.

No entanto, a Polícia Civil de Minas Gerais afirmou que o procedimento era correto devido à espera do resultado do teste de Covid-19, que determinaria se foi a infecção pelo vírus que causou o quadro respiratório. 

Em nota, a Prefeitura de Santa Bárbara do Leste lamentou a morte do idoso e afirmou que os critérios seguidos pelo município são definidos pelas autoridades sanitárias estaduais.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.