ABI - Liberdade de imprensa
PERIGO

Ruas e avenidas em Teixeira de Freitas estão tomadas por erosões e buracos

Problemas atrapalham a vida de moradores, que têm muitas dificuldade para trafegar e até mesmo andar pelos bairros afetados

30/04/2021 11h36Atualizado há 2 semanas
Por: Vanderlei Filho
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução

Ruas e avenidas da cidade de Teixeira de Freitas, no extremo sul da Bahia,  estão praticamente intransitáveis por conta dos buracos e erosões. Algumas ficam bem próximas do centro da cidade, é o caso da Av. Getúlio Vargas em quase toda sua extensão. Segundo os moradores, a situação piora a cada dia e quando chove fica ainda pior.

Algumas ruas visitada pela nossa equipe de reportagem não tem asfalto e as erosões existem há tanto tempo que o mato começou a crescer dentro das crateras e algumas ficam cheias de águas o que dificulta a visibilidade dos buracos.

A professora Valeria Silva mora próximo da Avenida e disse que os moradores espera que o Prefeito resolva logo essa situação, porque o problema só piora com o passar do tempo.

Para o senhor Antônio Albuquerque dono de um estabelecimento comercial em uma das ruas no bairro bela vista, outro local visitado pela nossa reportagem disse que, “antes pelo menos o carro ainda dava para passar, mas pelo jeito que estou vendo, daqui a pouco não vai passar mais. Talvez nem moto porque os buracos no bairro estão ficando muito grandes”, disse.

Próximo ao Posto de combustível GEF, existe uma cratera que foi recentemente tampada com barro e solo brita, mas em menos de 60 dias se encontra novamente aberta, colocando em risco quem transita por ali.

São inúmeros os problemas estruturais que o Prefeito Marcelo Belitardo (DEM), precisa resolver com urgência, Mas no entanto, a administração pública tem esbarrado em uma questão delicada. A contratação de empresas especializadas e maquinário para o serviço.

Recentemente uma licitação da Infraestrutura foi realizada no dia (07/04), no entanto logo após o seu início, acabou sendo “suspensa” em virtude de uma confusão no processo licitatório, que contava com mais de 20 empresas concorrentes.

Pouca ou quase nenhuma informação correta tem chegado até a população teixeirense, acerca de quando ou como o município irá enfim iniciar as obras de infraestrutura. Principalmente com os recursos deixados pela gestão anterior, ou pelo menos em tese, com os recursos e projetos já aprovados no orçamento deste ano, para as obras de pavimentação de ruas e operações tapa-buracos.

A suspensão do processo licitatório ocorreu após suspeita de fraude, e prática de “Lobby” por parte do vice prefeito Yuri Santos Fernandes (DEM) e mais alguns membros do Poder Executivo, segundo informações obtidas pelo portal opinião pública. A fraude supostamente envolvia alguns itens, e apontavam para evidências de favorecimento ilegal em face da empresa  Luz Empreendimentos Ltda, tendo como sócio-proprietário o Sr Diogenes Alexandre Medeiros Luz (PSDB), ex-vereador da cidade de Teixeira de Freitas e também  candidato a vice-prefeito na última eleição na coligação da então candidata a prefeita Marta Helena (PSDB).

  

O que diz a prefeitura

 

O secretário Gessé de Cristo Almeida, disse que está percorrendo todos os bairros de Teixeira de Freitas e que a  Secretaria segue um planejamento de ações e que está aberta às demandas da população. “Apesar de poucos dias do início do nosso trabalho, temos atuado em muitas frentes, inclusive na manutenção e limpeza de locais públicos e estamos abertos para atender as demandas da população em todas as áreas que são de competência da Infraestrutura”.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.