ABI - Liberdade de imprensa
PUNIÇÃO

Secretário diz que os professores que não voltarem às aulas semipresenciais em Salvador serão punido

Contudo, ele preferiu não especificar o tipo de punição.

03/05/2021 11h38
Por: Fernanda Souza
Foto/Reprodução
Foto/Reprodução

Nesta segunda-feira (03/05), dia da volta às aulas semipresenciais em Salvador, o secretário de Educação da capital, Marcelo Oliveira, afirmou que as escolas estão preparadas para receber os alunos. Segundo Oliveira, os professores que não se sentirem seguros e decidirem não trabalhar presencialmente, serão punidos. Contudo, ele preferiu não especificar o tipo de punição.

“Acho que nesse momento um pouco conturbado, não devemos falar em quais punições. As medidas serão tomados e os professores serão punidos posteriormente. Já os alunos que não se sentirem seguros para irem até as escolas, podem acompanhar as aulas online, mas os pais terão que se redobrar para auxiliar seus filhos”, ressaltou em entrevista ao Jornal da Manhã, da TV Bahia.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.